A Ciência

A Ciência nada mais é do que a busca eterna pela verdade.

“Toda verdade é fácil de entender depois de desvendada, a questão é desvendá-la.” [Galileo Galilei]

“Se você quer perseguir a verdade, ao menos uma vez na vida desconfie de tudo.” [René Descartes]

“Sou como um garoto brincando de descobrir conchas na praia, enquanto um oceano de verdades inexplorado se coloca bem à minha frente.” [Isaac Newton]

“Realidade é uma mera ilusão, embora bem convincente.” [Albert Einstein]

A Ciência é a curiosidade humana aliada a capacidade de identificar padrões direcionadas a entender o funcionamento do Universo. E apesar de parecer algo complexo, é nada mais que a junção do raciocínio, observação e experimentação. Contudo a Ciência nem sempre teve este formato, Aristóteles, um dos mais pródigos cientistas não realizava experimentações; o que o levou a teorias incorretas, que mesmo gritante demoraram quase 2.000 anos para serem contestadas.

Atualmente utilizamos o modelo científico criado pelo cientista árabe Alhazen no Século XI, aprimorado por Francis Bacon e reforçado por René Descartes no século XVII. Neste modelo, antes de serem aceitas, as teorias devem ser experimentadas para comprovar sua veracidade, tanto pelo cientista quando por um par que seja capaz de repetir o experimento. Como nem toda observação ou teoria podem ser testados, elas são aceitas até que alguma contraprova seja capaz de anulá-la.

O avanço exponencial da Ciência nos dias de hoje é resultado direto de uma grande base científica formada por observações e experimentos anteriores, novas ideias e descobertas estão quase sempre baseadas em trabalhos antigos, como mencionou Isaac Newton: “se pude ver além, foi porque estava sentado em ombros de gigantes” numa alusão aos trabalhos de Galileo que suportaram o avanço de seus estudos.

Os primeiros registros científicos apontam para observações das estrelas e do espaço, eles muito provavelmente foram realizados para que o Homem pudesse se locomover, viajar e se localizar. Tales de Mileto em 585 a.c. foi capaz de prever um eclipse solar.

No século VIII, o califado de Abbasid foi responsável por criar a maior biblioteca da época, então situada na hoje cidade de Bagdá. Esta se tornou um centro de conhecimento atraindo estudiosos que não só desenvolveram diversas outras áreas da Ciência, mas que também traduziram teorias de diversas regiões para o árabe. Foi desta biblioteca, por exemplo, de onde tomamos conhecimento dos algarismos arábicos, que hoje são a base de toda matemática que utilizamos.

Por um longo tempo a Ciência ficou de lado, um monopólio religioso trouxe o Criador como centro e motor do Universo, cujos seguidores assassinavam ou aprisionavam qualquer cientista que ousasse demonstrar o contrário. Contudo a decadência deste monopólio permitiu que novas teorias fossem publicadas, dando início a Ciência Moderna. Dela nasceram disciplinas como a Medicina, Química, Matemática, Física e Biologia.

O avanço da tecnologia permitiu a construção de laboratórios com equipamentos robustos, deles nasceram experimentos que permitiram estudar as moléculas, átomos e novos elementos existentes na terra, como por exemplo os gases. O avanço continuou através do estudo do calor, eletricidade, eletromagnetismo e consequente invenção dos motores elétricos. A análise do solo e das rochas trouxeram novas disciplinas como a Geologia e a descoberta de fósseis trouxeram à tona a existência de outras vidas, permitindo a concretização da Teoria da Evolução de Darwin.

Exatamente agora vivemos uma época de avanços ainda maiores, a teoria da relatividade de Einstein foi responsável por reformular grande parte da física e a observação do espaço permitiu avançar nas deduções de onde surgiram o universo e as matérias. Alan Turing em 1940 criou sua máquina universal, capaz de resolver qual problema finito, o que deu origem aos computadores e a Internet. A Biologia identificou a codificação base de toda a vida, e o sequenciamento genético tornou a Terapia Genética uma realidade, somos capazes de clonar mamíferos e certamente coisas ainda mais grandiosas virão, tanto em descobertas quanto em questionamentos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s