Alan Bryman (1947-2017)

A disneização espetaculariza o ordinário.

“O Natal é a disneização do Cristianismo.” [Don Cuppit]

“A disneização atua como um agente que permite o avanço da McDonaldização.” [Alan Bryman]

Sociólogo britânico lecionou nas Universidades de Loughborough e Leicaster, pesquisou metodologias que explicassem o modelo de consumo moderno com o impacto da Disneização e McDonaldização da sociedade.

Continue lendo “Alan Bryman (1947-2017)”

George Ritzer (1940-)

McDonaldização impacta virtualmente todos os aspectos da sociedade.

“Mcdonalds se tornou mais importante que os EUA em si.” [George Ritzer]

“Dentro da Sociologia, teoria é um dos elementos menos propensos a McDonaldização, ainda que tenha sido influenciado em alguns aspectos.” [George Ritzer]

Nascido em Nova Iorque, filho de taxista e mãe secretária, afirmou que sua dedicação ao trabalho e ao estudo sempre fora uma consequência do baixo padrão de vida que teve em sua infância e não queria ver repetir na vida adulta. Se tornou professor da Universidade de Maryland onde é conhecido por sua crítica a atual sociedade de consumo.

Continue lendo “George Ritzer (1940-)”

Amitai Etzioni (1929-)

A sociedade deve articular o que é bom.

“Uma comunidade responsiva é aquela onde os padrões morais reflete a necessidade humana básica de seus membros.” [Amitai Etzioni]

“O desequilíbrio entre direitos e responsabilidades existiram por tempo demais.” [Amitai Etzioni]

Nascido na Alemanha em 1929, se mudou para a Palestina com 7 anos, se graduou na Universidade Hebraica de Jerusalém e obteve seu doutorado em Berkeley, onde atuou por 20 anos. Atualmente leciona e ocupa o cargo de diretor de Estudos Políticos Comunitários na Universidade de George Washington.

Continue lendo “Amitai Etzioni (1929-)”

Jane Jacobs (1916-2006)

É preciso ter pessoas nas ruas.

“Nós esperamos demais das grandes construções e muito pouco de nós mesmos.” [Jane Jacobs]

“Não se pode esperar que as pessoas venham para os centros, é necessário colocá-las lá.” [Jane Jacobs]

Escritora e urbanista americana, se mudou para Nova Iorque onde se dedicou a descrever a vida nas cidades e criticar o modelo “top-down” de planejamento urbano. Foi crítica e defensora de um modelo de urbanização centrada na comunidade, o que rendeu uma premiação nacional para projetos de urbanização que leva o seu nome..

Continue lendo “Jane Jacobs (1916-2006)”

Henri Lefebvre (1901-1991)

A Liberdade de remodelar as cidades e nós mesmos.

“A Sociedade precisa mudar! Isto não significa nada sem a criação de um espaço apropriado.” [Henri Lefebvre]

É necessário pressão da camada social mais baixa que confronte o Estado em como os espaços urbanos são organizados.” [Henri Lefebvre]

Nascido na França, estudou filosofia e foi um dos marxistas mais influentes na sociedade francesa, se filiou ao partido Comunista do qual se tornou ferrenho crítico após ser expulso. Foi um proeminente escritos que publicou diversos trabalhos confrontando as autoridades e o poder financeiro tendo influenciado diversas áreas do conhecimento como geografia, política, filosofia e arquitetura.

Continue lendo “Henri Lefebvre (1901-1991)”

Georg Simmel (1858-1918)

Desconhecidos não são concebidos como indivíduos, mas como um determinado tipo de estranho.

“Através da anonimidade… Cada parte adquire uma impiedosa naturalidade” [Georg Simmel]

As metrópoles têm sido o assento da economia baseada em dinheiro.” [Georg Simmel]

Nascido em Berlim em uma família abastada e lecionou em Strasbourg, é um dos pais da sociologia menos conhecido apesar de ter exercido grande influência ao criar uma base de estudo onde ao invés de se estudar a interação humana se observa o que molda seu comportamento.

Continue lendo “Georg Simmel (1858-1918)”

Vida Moderna

A migração em massa para as cidades impactou a forma como nos relacionamos.

“Existem olhos em todos os lugares. Nenhum ponto intacto. No que vamos sonhar quando tudo for monitorado? Que todos sejamos cegos.” [Paul Virilio]

“A cidade atingiu o cume da eficiência, em contrapartida exigiu algo em troca de seus habitantes. Que vivessem uma rotina apertada e restrita a um rigoroso controle científico.” [Isaac Asimov, As Cavernas de Aço]

“Toda urbanização empurrada até um certo ponto se torna sub urbanização… Toda grande cidade possui uma coleção de subúrbios. Seus habitantes não vivem, eles meramente habitam.” [Aldoux Huxley]

Continue lendo “Vida Moderna”

Sylvia Walby (1953-)

O conceito de patriarcado é indispensável para análise da desigualdade de gênero.

“Quando o patriarcado perde força em uma área ele se reforça em outras.” [Sylvia Walby]

“A violência contra a mulher é suficientemente comum e repetitiva para ser considerado algo socialmente estrutural.” [Sylvia Walby]

Socióloga britânica graduada na Universidade de Essex atuou nas áreas da violência doméstica, patriarcado, relações entre gêneros e globalização. Presidiu a Associação Sociológica Europeia e liderou um programa na UNESCO quanto a desigualdade de gênero. Foi condecorada com a Order of the British Empire por suas contribuições e atualmente trabalha como professora.

Continue lendo “Sylvia Walby (1953-)”

Bell Hooks (1952-)

A mulher branca tem sido cúmplice do patriarcado capitalista, supremacista branco e imperialista.

“Para as mulheres negras estava claro… que elas nunca teriam equidade dentro do modelo patriarcado, capitalista, imperialista, supremacista branco.” [Bell Hooks]

“Feminismo é um movimento para acabar com o sexismo, exploração sexual e opressão.” [Bell Hooks]

Nascida nos EUA, Gloria Jean Watkins adotou o pseudônimo de sua avó Bell Hooks como homenagem a mulher de personalidade forte e que não engolia palavras. Estudou em escolas racialmente segregadas até o colégio, formou-se em Standford, lecionou ética na USC e foi uma proeminente autora com mais de 30 publicações.

Continue lendo “Bell Hooks (1952-)”