Richard Sennett (1943-)

As ferramentas de liberdade se tornam fontes de indignidade.

“Tais práticas (da industrialização) brutalmente diminuem o senso de importância da pessoa.” [Richard Sennett]

“Você não entende como vinhos são feitos bebendo um monte deles.” [Richard Sennett]

Após ter sua carreira musical interrompida por uma cirurgia se dedicou a sociologia. Lecionou em Yale e London Scholl of Economics, fundou o Instituto para Humanidade em Nova York. Ficou famoso com sua obra The Hidden Injuries of Class publicado em 1972.

Continue lendo “Richard Sennett (1943-)”

Pierre Bourdieu (1930-2002)

CADA QUAL TEM SEU SENDO DE LUGAR.

“Observações mostram que a cultura é o produto da educação familiar e escolar.” [Pierre Bourdieu]

“Aqueles que falam de igualdade de oportunidade esquece que jogos sociais não são jogos justos.” [Pierre Bourdieu]

Filho único de um carteiro, nascido na zona rural da França, foi estimulado por um professor a estudar em Paris onde se formou em Filosofia. Se tornou diretor de uma universidade Francesa na Argélia e posterior foi diretor de Estudos Sociais em Paris. Acreditava que pesquisas deveriam se tornar ações o que o levou ao ativismo contra desigualdade e dominação.

Continue lendo “Pierre Bourdieu (1930-2002)”